Aeroporto de Belo Horizonte ultrapassou a Ponta Cana segundo inquérito

14 de Março de 2019 4:45pm
Escrevendo Caribbean News Digital
Aeroporto-de-Belo-Horizonte

O inquérito anual que realiza o Conselho Internacional de Aeroportos (ACI), elegeu ao aeroporto internacional de Belo Horizonte, Brasil, (BH Airport) como o melhor da América Latina e o Caribe em 2018 na categoria entre 5 e 15 milhões de passageiros ao ano, galardão que receberá proximamente em Bali.

Para o presidente de BH Airport, Marcos Brandao, este reconhecimento representa o "compromisso de todos os colaboradores da empresa com a evolução da qualidade e prestação de serviços" oferecidos pelo aeroporto do estado de Minas Gerais.

A concessionária BH Airport, que administra o Aeroporto Internacional Tancredo Neves, celebrou que o terminal fosse eleito como a mais destacada em sua categoria, com uma nota de 4,07, em uma escala de 0 a 5 que avalia determinadas características dos principais terminais aéreos do mundo, através de inquéritos aos seus usuários.

Tal resultado obteve-se depois de coletar a opinião de 1.404 viajantes que participaram durante o passado ano na sondagem efetuada pelo Conselho Internacional de Aeroportos, o AirportServiceQuality (ASQ).

Na categoria entre 5 e 15 milhões de passageiros ao ano, Belo Horizonte obteve qualificações destacadas nos apartados: limpeza do terminal, ambiente e qualidade dos painéis de voo.

Assim, o aeroporto brasileiro, com capacidade para mobilizar 22 milhões de viajantes ao ano, ultrapassou ao terminal aéreo de Ponta Cana, em República Dominicana, que conseguiu o título de melhor aeroporto da região dois anos consecutivos, em 2016 e 2017.

O ASQ é um programa criado em 2006 -do qual fazem parte o 75% dos 100 aeroportos de maior movimento no mundo- para avaliar a percepção e a experiência dos viajantes sobre 37 indicadores de rendimento através de questionários aplicados em 47 idiomas e em 91 países.

Em 2017, o Conselho Internacional de Aeroportos outorgou ao Tancredo Neves o prémio de aeroporto que mais evoluiu na qualidade de prestação de serviços na América Latina e o Caribe.

 

 

 

Back to top